16-11-18- Futuro presidente do Banco Central é neto de cuiabano ilustre

16-11-18- Futuro presidente do Banco Central é neto de cuiabano ilustre

Midia News

 

Escolhido pelo presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), o futuro presidente do Banco do Central, Roberto Campos Neto, tem sangue mato-grossense.

 

Ele é neto do economista cuiabano Roberto Campos, considerado o pai do liberalismo econômico brasileiro.

 

Campos Neto tem especialização pela Universidade da Califórnia (Ucla) e uma carreira de quase 18 anos no Banco Santander.

 

Foi pelo avô, de quem era próximo, que o economista Paulo Guedes, futuro ministro da economia, chegou a Campos Neto. 

 

Robero Campos defendeu o estado mínimo, o câmbio livre e a propriedade privada. Além de economista, foi professor e diplomata, tendo comandado a embaixada do Brasil em Washington.