21-12-2011-Júri condena motorista por homicídios no trânsito.

Da Redação - LB

O Tribunal do Júri da Comarca de Cáceres (225km a oeste de Cuiabá) condenou o motorista José Zito da Silva a 14 anos de prisão pela prática de homicídio e tentativa de homicídio qualificados cometidos no trânsito contra Sérgio Apolinário Barbosa e Alvino Venâncio Barbosa, respectivamente. O júri popular foi presidido pela juíza Graciene Pauline Mazeto Corrêa da Costa.

Os jurados acolheram a tese defendida pelo Ministério Público Estadual de que o réu agiu com dolo, ou seja, com intenção de matar. Na ocasião, o órgão ministerial sustentou que o réu agiu com dolo eventual e por motivação fútil, assumindo o risco de produzir a morte do ocupante da moto.

Já a defesa sustentou que o incidente se tratou apenas de um acidente e que o réu não teria tido a intenção de matar. Ao final, os jurados acolheram a tese acusatória.

Consta da denúncia que o crime ocorreu em agosto de 1999. Na ocasião, o réu, que era motorista de uma empresa do ramo da construção civil, conduzia um caminhão. Após ter sido ultrapassado pelas vítimas, que estavam em uma motocicleta, o réu acabou colidindo com a traseira da moto, ocasionando a morte de Sérgio e lesões corporais em Alvino.

 

 

Ivone Lima / pontaldoaraguaianews.com