21-10-2011-Advogada diz ter sido ameaçada por juiz acusado de venda de sentença

Da Redação - Lucas Bólico

A presidente da subseção de Sinop da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Mato Grosso, Soraide Castro, afirma ter recebido um bilhete irônico e com uma ameaça velada do juiz Paulo Martini, da Primeira Vara da Comarca Cível de Sinop, acusado de venda de sentenças e de arbitrariedades contra advogados.

Após posicionar-se contra o magistrado em defesa de advogados, Castro afirma ter recebido um bilhete assinado pelo próprio punho do juiz agradecendo, ironicamente, tudo o que a OAB vinha fazendo por ele e desejando que ela recebesse tudo de volta em dobro.

Para Soraia de Castro, mais que um bilhete, aquilo era uma grave ameaça e um recado, o que o juiz nega. “Ele não nega ter entregado a flor e o bilhete e ainda diz que era um pedido de paz”, contou a advogada .

Segundo Castro, o juiz está em rota de colisão com alguns advogados de Sinop em casos pontuais, como ela classificou. “São casos específicos, não é contra todos os advogados”, afirma a presidente.

Ela ainda afirma que a manifestação do produtor rural Clayton Arantes, que se iniciou hoje com uma greve de fome contra o juiz, tem o apoio da OAB. “Estamos nessa luta com ele”, afirma.

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Mato Grosso (OAB-MT), Cláudio Stábile, também se manifestou favorável ao protesto de Arantes e confirmou  que pedirá junto ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) o afastamento do juiz.

 

Por: Ivone Lima

Pontaldoaraguaianews.com