10-01-2012-Quadrilha assalta 2 bancos, causa tiroteio e faz reféns.

Ação simultânea aterrorizou moradores de Confresa; bandidos fizeram vários disparos contra populares

 

KATIANA PEREIRA
DA REDAÇÃO

Uma quadrilha de pelo menos 10 homens com armamento pesado invadiu, no começo da tarde de segunda-feira (09/01), duas agências bancárias na cidade de Confresa (1.160 km a Nordeste de Cuiabá), em mais uma ação da modalidade "Novo Cangaço".

Foram assaltadas, simultaneamente, uma agência do Banco do Brasil e uma da Cooperativa Sicredi. Oito pessoas, entre clientes e funcionários, foram feitos reféns.

A gerente da agência do Banco do Brasil estava entre os reféns. As unidades bancárias ficam uma ao lado da outra e localizadas na principal rua da cidade, a Avenida Centro-Oeste, segundo a Polícia Militar local.

As informações iniciais dão conta de que o bando chegou usando duas caminhonetes; ao descerem, os bandidos começaram a atirar, aterrorizando as pessoas que estavam no local.

Para fugir, os assaltantes roubaram uma caminhonete da Prefeitura Municipal e levaram clientes e funcionários como reféns. Eles fugiram em direção à cidade de São José do Xingu (1.200 km da Capital e a 200 km de Confresa).

Reféns liberados

A Polícia Militar informou que os bandidos liberaram apenas seis dos oitos reféns, numa estrada distante sete quilômetros de Confresa, em um trecho conhecido como Três Flechas. Na fuga, o bando ateou fogo em um veículo Prisma, roubado em Confresa.

Policiais militares fecharam as saídas das cidades, mas o bando conseguiu fugir de avião. Até o momento, não se sabe se os reféns foram levados juntos ou abandonados em alguma mata da região.

 

 

Ivone Lima / pontaldoaraguaianews.com