05-12-2011-Falso dentista atuava no Pedra 90

Da Redação

 

Por meio de denúncia anônima, o Conselho Regional de Odontologia de Mato Grosso (CRO-MT) localizou uma clínica clandestina no bairro Pedra 90, em Cuiabá.

Lá foram encontrados um motor elétrico odontológico, equipamentos de laboratório de prótese e documentos que comprovam que o protético Braz José de Castro, de 53 anos, além de fazer moldes e trabalhar com desgaste de dentes, também exercia a função de cirurgião-dentista sem estar habilitado para tal, o que é proibido por lei. Ele atenderia moradores do Pedra 90 e região.

Além disso, o local, que também é a residência do suposto protético, estava em péssimas condições de higiene, com piso e teto quebrados, sujeira e poeira.

Assim que recebeu a denúncia, o Conselho Regional de Odontologia entrou em contato com a Polícia Militar.

Uma viatura da base do bairro Pedra 90 foi solicitada para acompanhar o trabalho de fiscalização e fechamento do suposto consultório.

Braz José de Castro foi levado até o Cisc Planalto, onde foi ouvido. Os equipamentos da clínica clandestina foram apreendidos pela Polícia Militar.

O CRO-MT vem realizando um trabalho intenso de fiscalização para fechar clínicas clandestinas e interromper o trabalho de falsos profissionais que colocam em risco a saúde da população.

A pena prevista para quem exerce ilegalmente a profissão é de 6 meses a 2 anos de detenção, de acordo com a Constituição Federal.

As denúncias podem ser feitas por telefone 0800 7232510. (Com Assessoria)

 

 

Ivone Lima / pontaldoaraguaianews